La Serena, pra ficar bem pertinho do céu

Essa viagem é cheia de surpresas, mas acho que isso faz parte! E ainda bem…

La Serena foi uma grande surpresa, passei pela cidade sem planos e sem saber o que me esperaria. Sabia pouquíssima coisa, só chegando lá fui pesquisar um pouco mais e descobri oportunidade incríveis.

Minha falta de planejamento me impossibilitou de conhecer a Isla Damas, uma ilha que fica próxima a La Serena, com passeios diárias saindo da cidade, inclui navegação, passeio a pé e é possível ver diversas espécies marinhas por lá, como pinguins e leões marinhos… mas as ilhas fecham as segundas, que era o único dia que teria livre para visita-las.

Mas tudo bem porque outros dois lugares incríveis estavam a minha espera, lugares que eu nem sabia que existiam.

Faça sua reserva pelo booking.com e garanta os melhores preços

O Embalse Puclaro

Aparentemente os chilenos curtem transformar os reservatórios de água deles em belas obras que proporcionam belas vistas, foi assim no Embalse el Yeso em Santiago e é assim no Embalse Puclaro em La Serena. O acesso ao embalse é muito fácil, ele fica na beira da estrada entre La Serena e Vicuña, basta pegar um transporte público rumo a Vicuña e pedir para descer no Embalse, não tem erro. A vista lá é de tirar o fôlego, um lago artificial cercado por montanhas, deixo que as fotos falem por si.

img_5202    img_5135

img_5186    img_5181

Um paraíso para quem ama estrelas.

Vicuña é uma pequena cidade próxima a La Serena, que é um verdadeiro paraíso para quem gosta de observar as estrelas. A altitude, somada ao tempo seco fazem com que essa região tenha uma ótima visibilidade do céu. Pessoas de todo o mundo viajam até esse pedaço do Chile apenas para observar as estrelas. Existem tours que saem de La Serena diariamente para fazer a observação do céu em poderosos telescópios na cidade de Vicuña, já alerto que o tour astronômico aqui é muito mais completo do que no Atacama e rende belas fotos.

A Via Láctea
Uma visão tão perfeita do céu que parece que dá pra tocar na Via Láctea

2 comments

Add Yours

Deixe uma resposta